09 fevereiro 2006

213) Back to old (bad) practices... not juicy this time...


Os plantadores de laranja da Flórida bem que mereciam um ataque de desinteria incontrolável, a partir de seu (amargo) suco de laranja, ou então uma espécie de furacão à base de "neutrons", que atacasse apenas os seus laranjais...
Como é que eles conseguiram descobrir que os nossos plantadores de laranja e processadores de suco de laranja adoram perder dnheiro?
Não parece haver limite para a hipocrisia comercial...


Agência Estado, 8 de fevereiro de 2006 - 17:48

EUA decidem que Brasil vende suco abaixo do custo

São Paulo - Os Estados Unidos confirmaram hoje a decisão de aplicar uma sobretaxa de 9% a 60,29% ao suco de laranja brasileiro, acolhendo queixa da indústria local de prática de dumping - venda do produto abaixo do preço de custo. A medida estava em vigor, de forma preliminar, desde agosto. Com a confirmação, a sobretaxa será praticada pelos próximos três anos.

As exportações brasileiras do produto para os EUA tiveram uma queda de 11% no segundo semestre do ano passado, ante o mesmo período em 2004, em virtude da sobretaxa. O Brasil é o maior produtor de suco de laranja do mundo. Foram exportadas 1,2 mil toneladas no ano passado, sendo apenas 9% deste total para os EUA.

A ação antidumping foi iniciada pelos produtores e pela indústria de processamento da laranja da Flórida em dezembro de 2004. A ação cobre todas as importações de suco pasteurizado, concentrado e não concentrado.

Mariana Barbosa

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home