23 março 2006

274) Museu da língua? Não, uma homenagem viva...

Para aqueles que, como eu, vivem da escrita, pela escrita e para a escrita, e que fazem do seu comércio particular com os livros mais que um meio de vida, um verdadeiro culto não-religioso à palavra escrita, um museu da língua pode parecer algo como a "mumificação" do idioma, o congelamento da expressão, a paralização definitiva das formas de comunicação.
Mas não é o caso deste museu especial.
Recomendo, vivamente, uma visita virtual ao

Museu da Língua Portuguesa (e de várias outras mais...)
Da página inicial do site:
"Conheça o Museu da Língua Portuguesa, seu ponto de encontro com a língua, a literatura e a história. Ao invés de paredes, vozes. No lugar de obras, espaços interativos.
No coração de São Paulo, na Estação da Luz, o Museu proporciona uma viagem sensorial e subjetiva pela língua portuguesa, guiada por palavras, autores e estrelas do Brasil."

Penetre nesse universo, neste link: http://www.estacaodaluz.org.br/

E também em outros universos culturais: Instituto Camões, Gramática da Língua Portuguesa, Biblioteca Virtual de Literatura, Academia Brasileira de Letras,
Biblioteca Nacional, Portal Liberal, Biblioteca Nacional (Portugal), Biblioteca Virtual do Estudante de Língua Portuguesa e Núcleo de Pesquisas em Informática, Literatura e Lingüística.

Nada melhor do que uma viagem pela escrita, pela expressão oral, por velhos manuscritos e novíssimas produções digitais...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home